Rio Branco - Acre, 17/07/2019

onde-estamos-trabalhando-limpeza-manutencao-ruasBANNER PORTAL TRANPARENCIA-alterado2782015 

Últimas Notícias

Mudanças climáticas: prefeita Socorro Neri, Ministério Público e Defesa Civil Estadual debatem curso sobre o tema

Representantes de todos os municípios acreanos devem participar entre os dias 26 e 30 agosto de um curso internacional de preparação em defesa civil. A proposta foi apresentada nesta quinta-feira, 04, para a prefeita de Rio Branco e presidente da Associação dos Municípios do Acre (Amac), Socorro Neri, pela procuradora de Justiça do Ministério Público Estadual (MPAC) e coordenadora do Centro de Apoio Operacional de Defesa do Meio Ambiente, Patrimônio Histórico e Cultural e Habitação e Urbanismo (CAOP/MAPHU), Rita de Cássia Nogueira Lima e o coordenador na Defesa Civil Estadual, tenente-coronel James Joyce Bezerra Gomes.
 
A atividade também vai contar com o apoio do Tribunal de Contas do Estado (TCE). De acordo com a procuradora Rita de Cássia, a ideia é proporcionar o nivelamento de conhecimento sobre a preparação para eventos extremos e mudanças climáticas entre todas as cidades acreanas. “É cada vez mais recorrente essa situação de eventos extremos, tanto períodos de seca como de muita chuva. Então é necessário que todos os municípios estejam preparados para as mudanças climáticas que já podemos experimentar, elas estão aí. Uma das melhores formas de prevenção é que os municípios tenham as suas leis de uso e parcelamento do solo ou plano diretor impedindo que se ocupem áreas de risco como beira de igarapés e áreas de preservação permanente. O ordenamento urbano é essencial nesse trabalho de prevenção, mas mesmo assim não nos garante que não haja desastres. Um exemplo é o centro de Rio Branco que já chegou a alagar. Então esse curso é essencial para esse momento que estamos vivendo, temos de estar preparados”, disse a procuradora.
 
Até 2030, 80 milhões de empregos sumirão com as mudanças climáticas. A elevação térmica deverá comprometer 2,2% do total das horas trabalhadas no mundo, principalmente na agricultura e na construção civil. Os dados foram publicados no relatório ‘Trabalhar em um planeta mais quente: O impacto do estresse térmico na produtividade laboral e no trabalho decente’, divulgado pela Organização Internacional do Trabalho (OIT) no início desta semana. Além dos municípios acreanos, representantes do Peru e da Bolívia vão participar do curso.
 
“As mudanças climáticas são um dos maiores desafios do nosso tempo. Seus impactos, que afetam a todos e têm desestabilizado as sociedades e o meio ambiente de uma maneira global e sem precedentes. Temos de estar cada vez mais preparados em todas as esferas de governo para enfrentarmos esses momentos. Em 2015, no período de chuvas, todos lembramos que o Rio Acre atingiu o nível histórico, aqui em Rio Branco, de mais de 18 metros. Cerca de 30% do território urbano da cidade ficou debaixo d’água, 5 mil famílias ficaram desabrigadas e inúmeros prejuízos em diversas áreas. Já em setembro de 2016 vivemos o extremo disso, quando o Rio Acre registrou outra marca histórica, desta vez negativa, com apenas 1,30 metro de água”, destacou a prefeita Socorro Neri.
 
A distribuição e modernização da lei do ICMS Verde e o plano de controle de poluição do ar também foram debatidos entre a prefeita, MPAC e Defesa Civil Estadual. Os temas serão incluídos no encontro com os representantes municipais.
 
 
Andryo Amaral, da Diretoria de Comunicação 
Fotos Val Fernandes
Payday Loans In Texas. Of course, the choice is not that easy, as there exist great number of different preparations. Notwithstanding, Cialis is the one that definitely differs from all other products.

COM VOCÊ NO DIA A DIA

com vc dia a dia 15072019

VÍDEOS

MAIS VÍDEOS

PREFEITURA DE RIO BRANCO
Rua Rui Barbosa, 285 – Centro - Rio Branco/AC - CEP: 69.900-901 - Tel.: (68) (68) 3212-7040